5 de março de 2012

Compreenda… que você é uma consciência imperecível.
Compreenda… que viver é importante para aprender e crescer.
Compreenda… que tudo passa, e importante é a lição que fica.
Compreenda… que “não vale a pena ganhar o mundo, mas perder a alma”.
Compreenda… que a verdadeira prosperidade é o equilíbrio de corpo e alma.
Compreenda… que o Céu e o inferno são portáteis, estão dentro de cada ser.
Compreenda… que é o amor que dá graça às coisas da vida.
Compreenda… que o espírito não nasce nem morre, apenas vive sempre!
Compreenda… que não adianta uma roupa brilhante, se o olhar é opaco.
Compreenda… que espiritualidade não é religião, mas um estado consciencial.
Compreenda… que passos levianos não trilham caminhos profundos.
Compreenda… que há um AMOR IMANENTE que lhe ama profundamente.
Compreenda… que suas energias revelam o que você pensa e sente.
Compreenda… que quem planta pimentas, jamais poderá colher morangos.
Compreenda… que a ignorância é a grande dor que aflige o ser.
Compreenda… que a ignorância termina onde começa o conhecimento.
Compreenda… que a ignorância tem um fim, mas o conhecimento não!
Compreenda… que vale a pena viver, vale a pena ter vindo à Terra.
Compreenda… que a Mãe Terra lhe recebeu de braços abertos. Honre-a!
Compreenda… que há um Himalaia inteiro dentro de você. Escale-o!
Compreenda… que os grandes mestres ajudam em silêncio.
Compreenda… que o nascer do sol não faz barulho.
Compreenda… que o despertar de sua consciência é igual ao nascer do sol.
Compreenda… que ser iniciado na LUZ demanda responsabilidade luminosa.
Compreenda… que há uma canção sutil. Escute-a!
Compreenda… que há coisas que não se entende, só se sente!
Compreenda… que há um AMOR que lhe compreende. Aceite-o!
Compreenda… que você não pode ser enterrado ou cremado. Você é espírito!
Compreenda… que no escuro da caverna, foi a Mãe Divina que lhe guiou.
Compreenda… que há vozes sutis que revelam coisas grandes no coração.
Compreenda… que há amigos invisíveis que lhe inspiram. Sintonize-os!
Compreenda… que quando há arrogância, desaparece a simpatia.
Compreenda… que todos os seres, você e eu, somos COMPREENDIDOS!
Compreenda… que o AMOR QUE AMA SEM NOME compreende.
Compreenda… que vale a pena viver, para sempre aprender!
Compreenda… Compreenda… Compreenda…

(Esses escritos são dedicados ao escritor, filósofo e iniciado espiritual Paul Brunton)*

Paz e Luz.

Wagner Borges

Deixe um comentário